quarta-feira, 13 de junho de 2018

Veja a fruta que tirou a vida a uma criança. Confira o alerta dos pais


Todos os dias, nós expomos nossos filhos a perigos e nem fazemos ideia. Uma fruta - uva tirou a vida a um menino de 2 anos, e agora sua mãe quer alertar todo o mundo para que isso não aconteça com mais nenhuma criança. 
Conheça toda a história, e saiba qual o alimento que deve evitar.

maternidade, fruta-uva-criança-alimentação-blog materno-gravidez-parto

Emma Carver e Mohammad Umar, passaram pelo pior pesadelo da suas vidas: Perder um filho. 
Carver estava fazendo algo normal, mas que seria fatal para o seu garoto de 2 anos. Momentos antes da morte da criança, ela foi a uma mercearia e levou Ayyan Umar. Ele estava sentado em um carrinho de compras enquanto a mãe estava escolhendo um queijo para levar pra casa.



Num minuto, ela estava decidindo sobre qual queijo  comprar, no outro, ela estava lutando para salvar a vida de seu filho. Quando notou que seu filho estava fazendo um som estranho, a mãe olhou imediatamente para ele… o menino estava se afogando!

Ayyan havia pego duas uvas inteiras que estavam no carrinho de compras e tentou comer. Mais em vez disso, as uvas ficaram alojadas em sua via respiratória. Carver começou imediatamente a bater nas costas do garoto, para tentar remover as frutas .



Um homem que também estava na mercearia chamou a emergência e eles chegaram aproximadamente cinco a sete minutos após a chamada. Os médicos conseguiram tirar uma uva de suas vias respiratórias. Ele foi levado para o hospital onde a segunda uva foi encontrada na garganta e removida. Infelizmente foi  tarde demais…

O sofrimento que esses pais sentem é indescritível. O pai de Ayyan, Mohammad Umar, não conseguiu conter as lágrimas durante a entrevista: “Eu sinto que isso é um sonho ruim, talvez alguém me desperte… Eu o vejo em todos os lugares”. 



A Academia Americana de Pediatria recomenda que  crianças  mais novos fiquem longe de uvas inteiras. Até os 4 anos de idade, as uvas devem ser cortadas verticalmente antes de serem consumidas pelas crianças.


A fruta que  tirou a vida a uma criança. Confira o alerta dos pais

fruta-uva-maternidade-gravidez-alimentação-familia

O perigo de dar uvas inteiras para o seu filho:


Um relatório divulgado por médicos dos hospitais Aberdeen Royal Infirmary e Forth Valley Royal, da Escócia, faz um apelo para que pais estejam atentos aos perigos de oferecer uvas inteiras a bebês e crianças em idade pré-escolar. A razão do alerta é que a fruta, quando não cortada, tem tamanho suficiente para impedir a passagem de ar para os pulmões e sua superfície macia facilita os engasgos.






No texto, eles destacam três casos de crianças com menos de 5 anos que se engasgaram enquanto comiam a fruta. O primeiro citado é um menino de 5 anos que se engasgou em uma atividade extracurricular depois da escola. Os adultos presentes e uma equipe de enfermagem tentaram fazer com que o garoto expelisse a uva, mas sem sucesso. Ele teve uma parada cardíaca e faleceu no atendimento de emergência do hospital.

No segundo caso, um bebê de 17 meses se engasgou com uma uva inteira em casa. A família não conseguiu remover a fruta e levou a criança rapidamente para um hospital. Os médicos conseguiram limpar as vias aéreas do garoto depois de usar alguns aparelhos, mas ele também faleceu na sala de emergência.

No terceiro caso, uma criança de 2 anos engasgou ao comer uva em um parque. Os paramédicos chegaram rapidamente e conseguiram remover a fruta, mas mesmo assim, o menino teve duas convulsões a caminho do hospital e precisou ficar cinco dias internado na UTI. Felizmente, ele se recuperou bem e não ficou com sequelas.

Por causa disso, a recomendação dos médicos é que os pais sempre cortem as uvas ao meio antes de dar para a criança e supervisionem enquanto ela come. Eles também sugerem que a embalagem de alimentos como a da fruta e a do tomate cereja venham com avisos sobre o perigo de engasgo para crianças.

Compartilhe essa importante informação para que mais nenhum pai tenha que perder um filho por algo tão evitável!

Veja também:

Prisão de ventre infantil
O que fazer se o bebê não quer mamar
Brigadeiro de copinho receita
Mal formação no bebê
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atualizações do Instagram

Topo